terça-feira, 27 de maio de 2014

Versículo da Semana: Provérbios 3:31

Série Provérbios - Pv 3:1

Muitos dos que guardam a lei gostariam de poder desobedecê-la. Gostariam de ser o opressor em vez de serem oprimidos. O comportamento violento cada vez mais tem sido justificado, divulgado e imitado, mas jamais deve ser aceito pelo cristão, mesmo que este venha a ser injustiçado, mesmo que aparentemente os malfeitores pareçam "se dar bem", certamente eles definharão como a relva e murcharão como a erva verde (Sl 73:2). A violência nunca deve ser a via escolhida pelo cristão, antes confie no Senhor e faze o bem; habita na terra e alimenta-te da verdade. Ele fará sobressair a tua justiça como a luz e o teu direito, como o sol do meio-dia. (Sl 37:6). [ Pv 3:31; Sl 37:1-7]


ABC do Livro de Provérbios

ABC Bíblico de Provérbios


Responda com as palavras na ordem alfabética:
Instruções: Cada resposta inicia-se ou se completa com a letra do alfabeto, obedecendo a sequencia de A até Z (nesse exclui-se as letras k,y,w).
Observação: A versão bíblica utilizada foi a Almeida Corrigida e Revisada.
- Esta atividade também pode ser utilizada para auxiliar na memorização de versículos.

A - O temor do Senhor _______________ os dias, mas os perversos terão os ____________ da vida ____________. Provérbios 10:27.
B - ____________________ o homem que continuamente teme; mas o que endurece o seu coração cairá no mal. Provérbios 28:14.
C - _____________ no Senhor de todo o teu ____________, e não te estribes no teu próprio entendimento. Provérbios 3:5
D - O filho sábio alegra seu pai, mas o homem insensato ______________ a sua mãe. Provérbios 15:20.
E - Aquele que encontra uma ____________, acha o bem, e alcança a benevolência do Senhor. Provérbios 18:22.
F - A resposta branda desvia o ____________ , mas a palavra dura suscita a ira. Provérbios 15:1.
G - O que ___________ o mandamento ___________ a sua alma; porém o que desprezar os seus caminhos morrerá. Provérbios 19:16.
H - O ____________ com a boca destrói o seu próximo, mas os justos se libertam pelo conhecimento. Provérbios 11:9.
I - Não tenhas _____________ do homem violento, nem escolhas nenhum dos seus caminhos. Provérbios 3:31.
J - O _____________ tem consideração pela vida dos seus animais, mas as afeições dos ímpios são cruéis. Provérbios 12:10.
L - A _____________ benigna é árvore de vida, mas a perversidade nela deprime o espírito. Provérbios 15:4.
M - O ______________ revela o segredo, mas o fiel de espírito o mantém em oculto. Provérbios 11:13.
N - O que é _____________ na sua obra é também irmão do desperdiçador. Provérbios 18:9.
O - Os ______________ do Senhor estão em todo lugar, contemplando os maus e os bons. Provérbios 15:3.
P - O temor do Senhor é o ____________ do conhecimento; os loucos desprezam a sabedoria e a instrução. Provérbios 1:7.
Q - Por três coisas se alvoroça a terra; e por __________ que não pode suportar: Pelo servo, quando reina; e pelo tolo, quando vive na fartura; Pela mulher odiosa, quando é casada; e pela serva, quando fica herdeira da sua senhora. Provérbios 30:21-23.
R - O filho sábio atende à instrução do pai; mas o escarnecedor não ouve a _____________. Provérbios 13:1.
S - Não sejas _______________ a teus próprios olhos; teme ao Senhor e aparta-te do mal. Provérbios 3:7.
T - O ___________ do Senhor aumenta os dias, mas os perversos terão os anos da vida abreviados. Provérbios 10:27
U - Encontre-se o homem com a __________ roubada dos filhos, mas não com o louco na sua estultícia. Provérbios 17:12.
V - Não digas: _______________do mal; espera pelo Senhor, e ele te livrará. Provérbios 20:22.
X - É melhor morar numa terra deserta do que com a mulher ri___osa e irritadiça. Provérbios 21:19.
Z - Os insensatos __________ do pecado, mas entre os retos há benevolência. Provérbios 14:9. 

Veja também : 
- Estudo do livro de Provérbios aqui
- BiO de Provérbios aqui
- Esboços de Provérbios aqui

domingo, 25 de maio de 2014

RESPOSTAS DO ESBOÇO – ESTUDO DO LIVRO DE PROVÉRBIOS

RESPOSTAS DO ESBOÇO – ESTUDO DO LIVRO DE PROVÉRBIOS
Na Bíblia hebraica, o título é “Provérbios de Salomão” (1:1), como também na versão grega, a Septuaginta. O livro reúne os 513 provérbios expostos por Salomão (1 Rs 4:32; Ec 12:9), ao lado de alguns provérbios de outros autores que certamente foram influenciados por esse rei. A palavra “provérbio” significa “ser como”; assim, provérbios é um livro de comparações entre as imagens comuns e concretas da vida com suas verdades mais profundas. Os provérbios são declarações (ou ilustrações) morais simples que descartam e ensinam as realidades fundamentais da vida. Salomão buscava a sabedoria de Deus (2 Cr 1:8-12) e forneceu “ditos práticos” criados para levar os homens a contemplar: 1) o temor de Deus e 2) a vida segundo a sabedoria divina (1:7; 9:10). A síntese dessa sabedoria está personificada no Senhor Jesus Cristo (1 Co 1:30).

RESPOSTAS DO ESBOÇO

1) Autor/Autores: Salomão, com trechos escritos por Agur e pelo rei Lemuel.
O próprio Salomão escreveu a maioria dos provérbios (1 Rs 4:32; Ec 1:13; 12:9). Pela referência em certos lugares aos “ditados dos sábios”, crê-se que, além de seus próprios provérbios, Salomão tenha colecionado alguns conhecidos no seu tempo, incorporando-os aos seus. Os provérbios dos últimos dois capítulos foram escritos por Agur e Lemuel, autores que a Bíblia não menciona em outra parte.

2) Data: Cerca de 950 a.C., com trechos de 720 a.C.
Uma vez que o Livro de Provérbios é uma compilação, sua composição estendeu-se por um longo período, com a obra principal datada de cerca de 950 a.C. os capítulos 25 a 29 são identificados como transcritos pelos “homens de Ezequias”, o que situa a cópia em cerca de 720 a.C., embora o material em si fosse de Salomão, talvez retirado de um documento separado encontrado no tempo de Ezequias.

3) Tema: Princípios universais para a vida. (1:1-7)

4) Propósito: Dar instrução moral, especialmente aos jovens. (1:1-7)

5) Palavras-chave: sabedoria, conhecimento, entendimento, instrução, temor do Senhor.

6) Texto-chave: 1:7

6.1) Pensamento-chave: O temor do Senhor, mencionado cerca de quatorze vezes.
O tema que se estende acima de todos nesse livro – a reverência a Deus (veja v. 1:29; 2:5; 3:7; 8:13; 9:10; 14:26-27; confira também, Jó 28:28; Sl 34:11; At 9:31). Essa admiração reverente e temor submisso são fundamentais para todo conhecimento espiritual e sabedoria (confira 2:4-6; 9:10; 15:33; Jó 28:28; Sl 111:10; Ec 12:13). Conquanto o não crente possa fazer declarações sobre a vida e a verdade, ele não terá o conhecimento verdadeiro e absoluto até que desfrute de um relacionamento redentor com Deus que inclua a admiração reverente. O temor do Senhor é um estado mental em que as atitudes, desejos, sentimentos, ações e objetivos de uma pessoa são substituídos pelos de Deus (Sl 42:1) (BEM – SBB, pág. 796.)

7) Conteúdo:
1) Conselhos paternais e advertências, com exortações acerca da obtenção de sabedoria – Caps. 1-7;
2) Chamado da sabedoria – Caps. 8-9;
3) Os provérbios de Salomão – contrastes entre o bem e o mal, a sabedoria e a insensatez – Caps. 10-20;
4) Máximas proverbiais e conselhos – Caps. 21-24;
5) Os provérbios de Salomão, copiados por homens do rei Ezequias – Caps. 25-29;
6) As palavras de Agur, o profeta – Caps. 30;
7) As palavras do rei Lemuel, o conselho de uma mãe, 31:1-9. A descrição de uma esposa ideal, 31:10-31.

8) Porções seletas sobre a Sabedoria:
Sabedoria, seu chamado (1:20-23; cap. 8); sua fonte (2:6); sua preciosidade (3:13-26); a coisa principal (4:5-13); o tesouro mais valioso (8:11-36); sua festa (9:1-6).

9) Destaque 13 (treze) discursos à Juventude sobre a Sabedoria (em 1:8-9-18):
1) Obedece a teus pais e segue seus conselhos (1:8,9)
2) Recuse todas as tentações dos incrédulos (1:10-19)
3) Submeta-se à Sabedoria e ao Temor do Senhor (1:20-33)
4) Busque a Sabedoria e seu discernimento e virtude (2:1-22)
5) Características e benefícios da Verdadeira Sabedoria (3:1-35)
6) A Sabedoria como tesouro da família (4:1 – 13,20-27)
7) A Sabedoria e os dois caminhos da vida (4:14-19)
8) A tentação e a loucura da impureza sexual ( 5:1-14)
9) Exortação à fidelidade conjugal (5:15-23)
10) Evite ser fiador, preguiçoso e enganador (6:1-19)
11) A loucura inominável da impureza sexual sob qualquer pretexto (6:20-7:27)
12) O Convite da Sabedoria ( 8:1-36)
13) Contraste entre a Sabedoria e a Insensatez (9:1-18)

10) Quais os contrastes entre:
    a) A Sabedoria e A Insensatez (O Tolo) (9:1-18): A festa da loucura é descrita como se fosse oferecida pela mulher-loucura. Observe o contraste feito com a sabedoria, nos vs 1 a 6, e as semelhanças com a mulher adúltera, em 7:6 a 23. A Sabedoria traz vida a Insensatez conduz à morte!
    b) O Justo e O Ímpio: os contrastes estão no cap. 10 ao cap. 15:33.

11) Qual a relação entre Sabedoria e Temor do Senhor (9:10)?
A Verdadeira Sabedoria é originada no Temor do Senhor.

12) Identifique em Provérbios, a importância do Temor ao Senhor:
8:13; 9:10; 1:7 – Temor do Senhor, aqui é igualado a aborrecer o mal, é, em outros lugares, equiparado à Sabedoria e ao Conhecimento; desse modo, Sabedoria e Conhecimento significam aborrecer o mal.

13) Cite pelo menos 3 (três) versículos para cada uma dessas temáticas encontradas no livro de Provérbios:
a) A ira: 11:4;12:16;14:17,29; 15:18; 16:32; 19:11,19; 20:2.
b) A generosidade: 3:9-10; 11:24-26; 14:21; 19:17; 22:9.
c) A correção dos filhos, disciplina: 13:24; 19:18; 22:6,15; 23:3-14.
d) Os tentadores: 4:14; 9:13-18; 16:29.
e) O Temor do Senhor: 1:7; 3:7; 9:10; 10:27; 14:26-27; 15:16,33; 16:6; 19:23; 23:17; 24:21.
f) Insensatos/tolos: 9:6; 10:8,18,21,23; 12:15,16,23; 14:9,16; 15:2; 18:2; 20:3; 21:20; 23:9; 27:22; 28:26; 29:11.
g) Amizade: 17:17; 18:24; 19:4; 27:10,17.
h) Conhecimento divino (onisciência de Deus): 15:11; 21:2; 24:12.
i) Diligente: 6:6-11; 10:4-5; 12:24,27; 13:4,11; 15:19; 18:9; 19:15,24; 20:4,13; 21:5; 22:13; 24:30-34; 26:13-16; 31:13.
j) Opressão: 14:31; 15:15; 22:16,22; 28:3,16.
k) Orgulho: 6:17; 8:13; 11:2; 13:10; 15:25; 16:18-19; 18:12; 21:4,24; 29:23; 30:13.
l) Prudência: 1:4; 8:12; 9:10; 10:19; 12:23; 13:16; 14:6,8,15,18,33; 15:5; 16:21; 18:15; 19:14; 22:3; 27:12.
m) Zombadores (Escarnecedor): 3:34; 9:7,8; 13:1; 14:6,9; 19:25,29; 21:11; 22:10; 24:9; 26:20; 29:8.
n) Contenda: 3:30; 6:12-19; 10:12; 13:10; 15:18; 16:28; 17:1,14,19; 18:6,19; 19:13; 20:3; 21:19; 22:10; 25:8; 26:17,20-22; 30:33.
o) Temperança: 20:1; 21:17; 23:1-3, 20; 23:29-35; 25:16; 31:4-7.
p) A língua, boca: 4:24; 10:11-32; 12:6,18,22; 13:3; 14:3; 15:1-7,23; 16:13, 23, 27; 17:4; 18:7, 21; 19:1; 20:19; 21:23; 26:28; 30:32.
q) Ganho injusto: 10:2; 11:1; 13:11; 21:6; 28:8.
r) Riqueza: 10:2,15; 11:4,28; 13:7,11; 15:6; 16:8; 18:11; 19:4; 27:24; 28:6,22.
s) Indolência (Preguiça): 6:6-11; 10:4-5,26; 12:11,24,27; 13:4; 14:4,23; 15:19; 18:9; 19:15,24; 20:4,13; 21:5,25; 22:13,29; 24:30-34; 26:13-16; 27:18, 23-27; 28:19-22; 30:25; 31:13-19,21-25,27.
t) Dolo, Calúnia, Difamação: 10:18; 11:9; 16:28; 21:28; 22:10; 26:20-22; 30:10.
u) Leviandade, Mentira, Mexerico: 11:9,13; 12:13,19,22; 14:5; 17:20; 18:8; 19:5,9; 20:17,19; 21:6; 24:28; 25:18; 26:20,22.
v) Intemperança (Falta de controle): 16:32; 21:17; 23:1-2,20-21; 25:16; 28:7; 21:23; 25:28.
w) Teimosia/Impenitência: 1:24,25.
x) Mulheres (boas e más): 5:18-19; 31:10-31/ 2:16-19; 5:3-14,20,23; 6:24-35; 7:5-27; 9:13-18.
y) Natureza, Animais: 30:15,18,19,24-31.
z) Lei, Mandamentos, Estatutos, Palavra de Deus: 2:1-5; 7:2-4; 13:13; 30:5,6.

Outras temáticas que você queira destacar:
(há diversas que você poderá apontar)

14) Quais advertências sobre a questão sexual são levantados em Provérbios?
Alerta em relação ao adultério e à prostituição – 2:16-19; 5:3-20; 7:4-27; 9:13-18; 22:14; 23:26-28; 29:3; 30:20; 31:3.

15) Quais conselhos são mencionados no livro de Provérbios para termos saúde e assim vivermos mais e melhor? 10:27; 4:20-22; 17:22.

16) Quais alertas o livro de Provérbios faz sobre as bebidas alcoólicas?
20:1; 21:17; 23:20,21; 31:4,5.  

17) É correto para o cristão fazer “Brincadeiras de mau-gosto” com os outros? (26:18,19) A pessoa que assim procede é considerada como louca e traz sobre si a lei da semeadura, colhendo para si o mal que semeou. (28:8,19)

18) Por que é bom ouvir conselhos sábios? 11:14; 12:15; 13:10; 15:22; 20:18; 24:6.

19) Utilize pelo menos um versículo para mostrar as seguintes diferenças:
a) Ira e ódio versus Longanimidade: 10:12; 15:17,18.
b) Vingar-se versus Perdoar e pagar o mal com o bem: 10:12; 17:9,13; 20:22; 25:21,22.
c) Humildade versus Soberba: 11:2; 3:7; 16:5,18,19.
d) Honestidade versus “Espertalhão”: 11:1; 20:10,14,23.

20) Cite pelos menos 3 (três) conselhos contidos em Provérbios para:
a) Os pais: 19:18; 22:6,15; 23:13,14.
b) Os filhos: 1:8,9; 4:1-4; 13:1; 23: 22-25.

21) Por que devemos zelar pelo nosso nome? (22:1; 10:7)
Porque vale mais que as muitas riquezas e testemunhará ao nosso respeito até mesmo após a morte.

22) Sobre o que a mãe do rei Lemuel o ensinou/aconselhou?(31)
Sobre a devassidão, castidade e impureza; evitar bebidas fortes, ser justo e defender os necessitados (31:1-9); sobre as qualidades da esposa ideal (31:10-31).

23) Quais conselhos de Provérbios você destacaria para sua vida?
(resposta pessoal baseada no estudo do livro)

24) Qual a importância do adolescente cristão estudar o livro de Provérbios e lê-lo regularmente sempre que necessário?
(resposta pessoal baseada no estudo do livro)

25) Após você ter estudado todo o livro de Provérbios, resuma o que aprendeu em uma única frase.
(resposta pessoal baseada no estudo do livro)


Consultas: Bíblias em várias versões: BEM – SBB; BEP – Revista e Corrigida (CPAD); BT - Contemporânea (VIDA); BEPL – Revista e Corrigida (SBB); BPC (CPAD). PEARLMAN, Myer. Através da Bíblia livro por livro (VIDA). 

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Dinâmica: Fé em Ação!

DINÂMICA: Fé em Ação!
Objetivos: Refletir sobre uma vida na luz, que não se oculta/omite;  não apenas diz ter fé, mas demonstra pelos frutos, testemunho e obras que refletem uma vida regenerada.
Textos bíblicos que podem ser relacionados: Lucas 8:16-18; Marcos 4:21; Lucas 8:4-5; Tiago 2:14-26 etc.
Material: Você vai precisar de três comprimidos efervescentes e três copos transparentes com água. (Conforme a figura abaixo)
Palavras-chave: Luz espiritual – Bom testemunho – Discipulado secreto – fé – obras – Regeneração.
Desenvolvimento: Apresente os copos com água e os três comprimidos efervescentes, nas seguintes situações:
Situação 1 - no primeiro copo você coloca o comprimido (com a embalagem) do lado de fora do copo;
Situação 2 - no segundo, você põe o comprimido (com a embalagem) dentro do copo;
Situação 3 - para a terceira situação, tire o comprimido da embalagem e ponha dentro do copo com água.


 Comece a interagir com os adolescentes, fazendo perguntas, como por exemplo:
- Qual destas três situações a medicação faria realmente efeito caso você estivesse doente e precisando tomar o remédio?
- Com qual dessas três situações há mais envolvimento e transformação do comprimido?
- Qual dessas três situações melhor pode representar uma vida de relação com Deus?
- Para evangelizar os outros e testemunhar de uma vida na Luz, qual das situações melhor se aplica?
- Eu vivo uma vida “fora da embalagem” ou eu ainda tenho reservas que me impedem de se entregar totalmente para Deus?
- Com qual das três situações me pareço quando estou fora da igreja e longe dos pais e líderes?
- Podemos utilizar essas três situações para ilustrar os tipos de comprometimento com Deus, sua Palavra e sua obra? Como?
Etc

Permita que eles se expressem, interagindo com eles e depois adentre no assunto, desenvolvendo a reflexão bíblica pertinente conforme os objetivos que deseja alcançar.

Atenção: você pode adaptar essa dinâmica a várias situações, mas lembre-se de sempre avaliar com antecedência, se ela é realmente pertinente ao assunto que você escolheu.

Sugestão: Você pode utilizar também essa dinâmica para evangelizar, há muitos que querem se manter “de fora”, em uma vida sem Deus, outros até querem Deus, participam na Igreja, falam de Deus, mas não se decidem mantendo-se na embalagem do pecado, já tem aqueles que creem e verdadeiramente se entregam totalmente a Jesus deixando-se transformar por Ele...


http://ministerio-c-adolescentes.blogspot.com.br/

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Esboço - Estudo do Livro de Provérbios

ESBOÇO – ESTUDO DO LIVRO DE PROVÉRBIOS.

O livro de Provérbios é uma coleção de expressões curtas e concisas que contêm lições preciosas. É o livro prático do Velho Testamento, que aplica os princípios de justiça, pureza e piedade à vida diária. Esse esboço não é exaustivo, você poderá encontrar outras temáticas que não abordemos aqui, além de outras reflexões importantes para compartilhar com seu grupo de adolescentes; todo o livro é riquíssimo, e mostra principalmente a importância do Temor do Senhor. Estude, faça suas anotações e depois desenvolva um programa de estudos com os adolescentes, será de grande valia para o crescimento e desenvolvimento espiritual e moral deles.

Bom estudo!

ESBOÇO

1) Autor/Autores:

2) Data:

3) Tema:

4) Propósito:

5) Palavras-chave:

6) Texto-chave: 

6.1) Pensamento-chave:

7) Conteúdo:

8) Porções seletas sobre a Sabedoria:

9) Destaque 13 (treze) discursos à Juventude sobre a Sabedoria (em 1:8-9-18):

10) Quais os contrastes entre:
    a) A Sabedoria e A Insensatez (O Tolo) (9:1-18):
    b) O Justo e O Ímpio (10:1-15:33):

11) Qual a relação entre Sabedoria e Temor do Senhor (9:10)?

12) Identifique em Provérbios, a importância do Temor ao Senhor:

13) Cite pelo menos 3 (três) versículos para cada uma dessas temáticas encontradas no livro de Provérbios:
a) A ira:
b) A generosidade:
c) A correção dos filhos, disciplina:
d) Os tentadores:
e) O Temor do Senhor:
f) Insensatos/tolos:
g) Amizade:
h) Conhecimento divino:
i) Diligente:
j) Opressão:
k) Orgulho:
l) Prudência:
m) Zombadores (Escarnecedor):
n) Contenda:
o) Temperança:
p) A língua, boca:
q) Ganho injusto:
r) Riqueza:
s) Indolência (Preguiça):
t) Dolo, Calúnia, Difamação:
u) Leviandade, Mentira. Mexerico:
v) Intemperança (Falta de controle):
w) Teimosia/Impenitência:
x) Mulheres (boas e más):
y) Natureza, Animais:
z) Lei, Mandamentos, Estatutos, Palavra de Deus:

Outras temáticas que você queira destacar:
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________
_____________________________________________________________________

14) Quais advertências sobre a questão sexual são levantados em Provérbios?

15) Quais conselhos são mencionados no livro de Provérbios para termos saúde e assim vivermos mais e melhor?

16) Quais alertas o livro de Provérbios faz sobre as bebidas alcoólicas?

17) É correto para o cristão fazer “Brincadeiras de mau-gosto” com os outros? (26:18,19)

18) Por que é bom ouvir conselhos sábios?

19) Utilize pelo menos um versículo para mostrar as seguintes diferenças:
a) Ira e ódio versus Longanimidade:
b) Vingar-se versus Perdoar e pagar o mal com o bem:
c) Humildade versus Soberba:
d) Honestidade versus “Espertalhão”:

20) Cite pelos menos 3 (três) conselhos contidos em Provérbios para:
a) Os pais:
b) Os filhos:

21) Por que devemos zelar pelo nosso nome? (22:1; 10:7)

22) Sobre o que a mãe do rei Lemuel o ensinou/aconselhou?(31)

23) Quais conselhos de Provérbios você destacaria para sua vida?

24) Qual a importância do adolescente cristão estudar o livro de Provérbios e lê-lo regularmente sempre que necessário?

25) Após você ter estudado todo o livro de Provérbios, resuma o que aprendeu em uma única frase.

Sugestão para o líder: Findando o estudo do livro de Provérbios você pode reunir os grupos para que elaborem seus próprios provérbios baseados no estudo que fizeram, eles podem utilizar as temáticas estudadas envolvendo situações bem contemporâneas, como por exemplo:
- A falta de controle no uso do celular, nas redes sociais etc;
- O Bullying;
- Sexo livre;
etc

Em breve postaremos as respostas do esboço!


Abraços! 

Janaína Costa
 http://ministerio-c-adolescentes.blogspot.com.br/

BiO de Provérbios

O BiO é um recurso que pode ser utilizado para leitura bíblica mensal de um livro específico, estimula e facilita a leitura diária da Bíblia. Veja o BiO de Provérbios e outros, aqui.